17/05/2016 voltar

QG Energia energiza as primeiras subestações de Caldeirão

Dando continuidade às obras do Complexo de Caldeirão Grande do Piauí, no dia 05 de maio foram energizadas a linha de 230kV, que liga o Complexo Eólico até o Ponto de Conexão do Sistema Interligado Nacional – SIN, as subestações de São Basílio e a de Santa Edwiges. A previsão é de que a última subestação de Caldeirão, Santa Verônica, seja energizada até junho.

A energização da linha e dos transformadores é um importante passo para que os aerogeradores sejam colocados em sincronismo com o SIN, pois garante que está importante parte do sistema esteja funcionando corretamente.

Localizado no Piauí, quando finalizado, Caldeirão contará com 136 aerogeradores e uma capacidade instalada de 376MW. Para o Presidente da Queiroz Galvão Energia, Max Xavier, “Caldeirão é uma usina de grande magnitude, de suma importância para nosso portfólio e concluímos com sucesso sua energização. Agora estamos prontos para iniciar o sincronismo dos aerogeradores, sendo que ao final deste ano de 2016, ao conectarmos todas as máquinas de Caldeirão, teremos mais que dobrado nossa capacidade de geração”.

O diretor de Implantação e O&M, Di Nardo, que esteve no local acompanhando tudo de perto agradeceu as equipes envolvidas: “É uma etapa crítica, a hora da verdade, onde se consolida o trabalho de 15 meses e todos os detalhes são importantes. Parabenizo e agradeço a todas as equipes envolvidas cuja dedicação e competência foram fundamentais para o êxito dessa operação”.

As obras do Complexo de Caldeirão Grande do Piauí estão previstas para serem finalizadas no final de 2016.